Apresentação

Este espaço foi criado para expor minhas idéias e meu trabalho como Psicólogo Clínico.

Desde quando era estudante de psicologia, tive o cuidado de entender e perceber o ser humano não como alguém doente e, sim, como quem sofria de uma doença, que se apresentava por meio do seu psiquismo e do seu corpo físico.

Ultrapassando a compreensão mais focada no conteúdo verbal da psicologia, adentrei em campos de entendimento do corpo, da história familiar, temporal e espiritual, para entender o psiquismo humano.

Posso dizer que a busca continua, mas o que aprendi, experimentei e desenvolvi até hoje, me mostra que todos nós buscamos a mesma coisa, ou seja, possuímos a mesma vontade: estar bem com nós mesmos e conhecer aquilo que é nossa essência.

Ainda que usemos nomes diferentes para a questão, esse é sempre o grande objetivo dos seres humanos, e é nisso que acredito e procuro junto aos meus clientes.

Considero que essa busca é um processo que acontece dentro e fora do ambiente do consultório, porque o estímulo é sempre o de ampliar a consciência que temos de nós mesmos. Isso não ocorre o tempo todo, mas o propósito é de que isso aconteça o máximo possível.

Ampliar a consciência é amplo e vasto e, nesse processo, utilizo várias ferramentas, tais como renascimento, leitura corporal, massagem terapêutica, regressão a tempos passados, workshops, trabalho em grupo, indicação de leituras, filmes, músicas e atividades que possam contribuir para o sucesso dessa tarefa.

Para mim o corpo é um sinalizador dos estados internos. Portanto, os sintomas corporais (as doenças) — que são recursos de orientação do psiquismo para que o indivíduo esteja mais próximo dele mesmo — são utilizados como forma de ajudar o cliente a estar mais próximo daquilo que é sua verdade interna naquele momento.